none
Duvida NameSpace RRS feed

Respostas

  • Jhonathas,

    Nessa linha você deve especificar de onde vem o webservice.
    Caso não especifique nenhuma, o sistema irá avisá-lo de que estará utilizando o endereço padrão.

    Mais informações, há um bom artigo sobre iniciantes em webservices: http://www.imasters.com.br/artigo/1693/webservices/criando_o_primeiro_webservice/
    quarta-feira, 20 de dezembro de 2006 18:50
  • Olá Jhonatas, tudo bem ?

    O Atributo Namespace serve para vc especificar sobre qual "Agrupamento" os seus métodos serão empacotados, digamos assim de forma bem simples.O Namespace é uma forma organizacional de agrupamento lógico, permitindo que através de um nome totalmente qualificado vc possa identificar unicamente um recurso. Vc pode colocar o namespace que achar necessário, a seu gosto.
    Vamos supor que seu web service tenha o método HelloWorld. Quando vc adicionar uma web reference em algum projeto que necessite consumir este web service vc irá perceber que no proxy gerado(reference.cs, no caso de C#) para este web service, o método HelloWorld terá o seguinte cabeçalho SOAP ( partindo do princípio que o namespace do web service seja "http://tempuri.org") :

    [System.Web.Services.Protocols.SoapDocumentMethodAttribute("http://tempuri.org/HelloWorld", RequestNamespace="http://tempuri.org/HelloWorld", ResponseNamespace="http://tempuri.org/HelloWorld", Use=System.Web.Services.Description.SoapBindingUse.Literal, ParameterStyle=System.Web.Services.Protocols.SoapParameterStyle.Wrapped)]

    Então quando sua aplicação cliente realizar a chamada ao método HelloWorld do web service, o cabeçalho definido acima saberá como localizar o método solicitado no web service em questão,baseando-se em seu nome totalmente qualificado (Namespace + nome do método), definido no atributo RequestNamespace="http://tempuri.org/HelloWorld" bem como devolver a resposta do mesmo, através do atributo ResponseNamespace.

    Espero ter esclarecido ao invés de te confundir mais.....hehehehehehhe

    Abraços,







    quarta-feira, 20 de dezembro de 2006 18:56

Todas as Respostas

  • Jhonathas,

    Nessa linha você deve especificar de onde vem o webservice.
    Caso não especifique nenhuma, o sistema irá avisá-lo de que estará utilizando o endereço padrão.

    Mais informações, há um bom artigo sobre iniciantes em webservices: http://www.imasters.com.br/artigo/1693/webservices/criando_o_primeiro_webservice/
    quarta-feira, 20 de dezembro de 2006 18:50
  • Olá Jhonatas, tudo bem ?

    O Atributo Namespace serve para vc especificar sobre qual "Agrupamento" os seus métodos serão empacotados, digamos assim de forma bem simples.O Namespace é uma forma organizacional de agrupamento lógico, permitindo que através de um nome totalmente qualificado vc possa identificar unicamente um recurso. Vc pode colocar o namespace que achar necessário, a seu gosto.
    Vamos supor que seu web service tenha o método HelloWorld. Quando vc adicionar uma web reference em algum projeto que necessite consumir este web service vc irá perceber que no proxy gerado(reference.cs, no caso de C#) para este web service, o método HelloWorld terá o seguinte cabeçalho SOAP ( partindo do princípio que o namespace do web service seja "http://tempuri.org") :

    [System.Web.Services.Protocols.SoapDocumentMethodAttribute("http://tempuri.org/HelloWorld", RequestNamespace="http://tempuri.org/HelloWorld", ResponseNamespace="http://tempuri.org/HelloWorld", Use=System.Web.Services.Description.SoapBindingUse.Literal, ParameterStyle=System.Web.Services.Protocols.SoapParameterStyle.Wrapped)]

    Então quando sua aplicação cliente realizar a chamada ao método HelloWorld do web service, o cabeçalho definido acima saberá como localizar o método solicitado no web service em questão,baseando-se em seu nome totalmente qualificado (Namespace + nome do método), definido no atributo RequestNamespace="http://tempuri.org/HelloWorld" bem como devolver a resposta do mesmo, através do atributo ResponseNamespace.

    Espero ter esclarecido ao invés de te confundir mais.....hehehehehehhe

    Abraços,







    quarta-feira, 20 de dezembro de 2006 18:56
  • Olá muito obrigado, foi muito util acabei aprendendo tb sobre o
     <webServices>

         <protocols>
      <add name="HttpGet"/>
      <add name="HttpPost"/>
         </protocols>
     
     </webServices>

    Foi de grande utilidade,

    Aproveitando o web service q estou criando irá ser consumido por um cliente PHP existe uma forma de eu tornar esse webservice seguro aponto de eu indicar de alguma forma quem poderá consumi-lo ? para nao acontecer de qualquer um consegui consumi-lo ?

    abraços, agradeço desde já.

    quarta-feira, 20 de dezembro de 2006 19:05
  • Jhonathas,

    Se o post lhe foi útil, por favor, marque-o como tal.
    Auxilia quando outros usuários buscarem o mesmo assunto.

    :)
    quarta-feira, 20 de dezembro de 2006 19:11
  • Valew gustavo, deu pra entender legal, eu pensava q tinha algo a ver com segurança, de que por exemplo so alguem vindo de algum lugar poderia copnsumi-lo entende? rsss  tava perdidão,, to ralando um pouco pra ver se consigo por essa segurança no webservice, pois serão dados q só poderão ser consumido de um lugar então estou tentando descobrir como implementar uma segurança para isso, sendo q o cliente será PHP e o WebService .NET
    quarta-feira, 20 de dezembro de 2006 19:18
  • Ok Jonatas, que bom que o post ajudou. Em relação a segurança, talvez se vc colocar esse web service com autenticação integrada e retirar o acesso anônimo, já vai ajudar bastante. Vc pode criar um conta em seu domínio apenas para utilizar este web service, então quando um cliente precisar realizar uma chamada a este web service precisará fornecer uma credencial válida...mas esta é apenas uma idéia........


    atenciosamente,
    quarta-feira, 20 de dezembro de 2006 19:30
  • pensei em algo desse tipo mas meu problema é q o cliente e PHP acho q deve ser uma brabeira conseguir fazer o php passar uma credencial, senão seria show
    quarta-feira, 20 de dezembro de 2006 19:50
  • é, infelizmente não sei como o php lida com esse tipo de situação, mas com certeza deve haver algum jeitinho....
    quarta-feira, 20 de dezembro de 2006 19:56