none
Migrando de SQL Server 2000 para 2008 (2012, 2014...) RRS feed

  • Pergunta

  • Ola, pessoal

    Em um processo de migração de  base de dados do MSDE para 2008 Express, usualmente apenas instalamos o SGBD, criamos o novo BD, e restauramos o backup do BD original (ou, as vezes, anexamos diretamente o MDF).

    Há alguma consideração nesse processo? Há algo que possa ser feito como possivel melhoria nessa transição?


    Julio C.

    segunda-feira, 6 de abril de 2015 20:29

Respostas

  • Julio, bom dia.

    A única consideração seria o compatibility level. Se a sua aplicação não possui restrições eu aconselho mudar o compatibility level para o 2008.
    Mas se certifique que seu código não use nada que tenha sido descontinuado ou alterado do 2000 para o 2008.

    Aqui por exemplo, eu tive problema com a sintaxe do RaiseError quando migramos do 2000 para o 2008 R2.

    []'s


    Mariana Del Nero /* Se a resposta foi útil, não esqueça de marcá-la */

    • Marcado como Resposta Julio Costi terça-feira, 7 de abril de 2015 12:18
    terça-feira, 7 de abril de 2015 11:57
  • Julio,

    "Algo como criar um novo BD , criar a estrutura das tabelas e importar os dados de cada tabela, seria desnecessário?"

    Isso só seria necessário se você estivesse tentando fazer um downgrade.. se tivesse uma base, por exemplo, no 2012 e quisesse restaurar no 2008. Como isso não é possível, teria que replicar a estrutura da base como descreveu.

    Sobre o backup\restore ou detach\attach não tem diferença, mas para ambientes produtivos, normalmente usamos o backup\restore pra manter a instância original funcionando caso dê algum problema com a migração.

    Agora se você pode parar seu ambiente e fazer um detach\attach, não existe problema.


    Mariana Del Nero /* Se a resposta foi útil, não esqueça de marcá-la */

    • Marcado como Resposta Julio Costi terça-feira, 7 de abril de 2015 14:44
    terça-feira, 7 de abril de 2015 12:52

Todas as Respostas

  • Julio, bom dia.

    A única consideração seria o compatibility level. Se a sua aplicação não possui restrições eu aconselho mudar o compatibility level para o 2008.
    Mas se certifique que seu código não use nada que tenha sido descontinuado ou alterado do 2000 para o 2008.

    Aqui por exemplo, eu tive problema com a sintaxe do RaiseError quando migramos do 2000 para o 2008 R2.

    []'s


    Mariana Del Nero /* Se a resposta foi útil, não esqueça de marcá-la */

    • Marcado como Resposta Julio Costi terça-feira, 7 de abril de 2015 12:18
    terça-feira, 7 de abril de 2015 11:57
  • Obrigado Mariana

    Acredito não ter implicações em alterar o compability level, vou começar a mudar, em casos mais simples p/ ter certeza que tudo funciona.

    --

    E em relação a backup/restauração (ou simplesmente anexar o BD original), não haveria nenhum problema?

    Algo como criar um novo BD , criar a estrutura das tabelas e importar os dados de cada tabela, seria desnecessário?



    Julio C.

    terça-feira, 7 de abril de 2015 12:21
  • Julio,

    "Algo como criar um novo BD , criar a estrutura das tabelas e importar os dados de cada tabela, seria desnecessário?"

    Isso só seria necessário se você estivesse tentando fazer um downgrade.. se tivesse uma base, por exemplo, no 2012 e quisesse restaurar no 2008. Como isso não é possível, teria que replicar a estrutura da base como descreveu.

    Sobre o backup\restore ou detach\attach não tem diferença, mas para ambientes produtivos, normalmente usamos o backup\restore pra manter a instância original funcionando caso dê algum problema com a migração.

    Agora se você pode parar seu ambiente e fazer um detach\attach, não existe problema.


    Mariana Del Nero /* Se a resposta foi útil, não esqueça de marcá-la */

    • Marcado como Resposta Julio Costi terça-feira, 7 de abril de 2015 14:44
    terça-feira, 7 de abril de 2015 12:52