none
Como medir custos em projetos que utilizam metodologias ágeis? RRS feed

  • Pergunta

  • Olá pessoal,

    Gostaria de saber se tem alguém que trabalhe com alguma metodologia ágil (pode ser XP, Scrum ou MSF for agile), e que no inicio ou ao decorrer do projetos, teve que passar para o cliente custos do projeto?

    Como fazer isso inicialmente sem perder tempo e sem errar muito no custo passado?

    Fico no aguardo das contribuições sobre o assunto.

    []'s

    • Editado Almiro Alves quarta-feira, 15 de abril de 2009 14:17
    • Movido Rogerio Jerez quarta-feira, 11 de novembro de 2009 22:06 Movido para o Fórum Apropriado (De:Grupos de Usuários)
    terça-feira, 11 de novembro de 2008 17:23

Respostas

  • Oi Almiro




    Creio que neste link você vai ler alguma coisa sobre o dez principios da metodologia agil independente de qualquer nomenclatura que ela venha a ter . Mas pelo que está subentendido no primeiro princípio é algo que deve ser calculado usando as horas de desenvolvimento,módulos que possam ter o projeto, soma-se esses itens e a somatoria dos mesmos você divide pelas horas totais e ai você consegue chegar a um valor.


    http://www.agileware.com.br/Dez_Motivos_Ageis.aspx



    Espero ter ajudado
    Juliana Prado Uchôa
    • Marcado como Resposta Rogerio Jerez sábado, 19 de junho de 2010 03:57
    terça-feira, 17 de março de 2009 08:43

Todas as Respostas

  •  

    Almiro,

    Realmente é muito difícil medir, via metodologías ágeis de desenvolvimento o custo ou estimativa do projeto.

    Algumas empresas que usam XP geralmente cortam em 1/5 o tempo de desenvolvimento quando se usa o Pair Programing, mas não é uma referência muito garantida, e também já procurei literatura nacional ou estrangeira sobre isto, mas não vi nenhuma que tivesse abordagem em termos de custo, a maioria só considerava o fator tempo.

    Mas é uma boa discussão a ser feita e colocada.

    []'s

    quinta-feira, 13 de novembro de 2008 12:08
  • Almiro,

    Dando mais uma zapeada no assunto achei este site com esta excelente entrevista:

    http://www.improveit.com.br/podcast/improvecast-8-entrevista-carlos-barbieri-mpsbr

    Achei muito bem colocada. No site você também encontrará outros user cases bem interessantes.

    []'s

     

    quinta-feira, 13 de novembro de 2008 15:29
  • Olá José Henrique, tudo bem?

     

    Obrigado pelas respostas e pelo link enviado, vou ver se consigo ver essa entrevista ainda hoje.

     

    Referente a esse assunto, realmente ele é um pouco chato de tratar, até mesmo por que o assunto referente metodologias ágeis está pegando pra valer agora.

     

    Mas vou tentar pesquisar mais e conversar com alguns profissionais que trabalhem com essas metodologias, e conforme eu for obtendo informações, eu vou postando as mesmas aqui nesse tópico.

     

    Se possível, faça o mesmo, pois acho que o assunto é de grande interesse para todos.

     

    Principalmente para mim, que vou fazer minha monografia de conclusão da pós-graduação em cima do mesmo...rs

     

    Mas é isso aí, obrigado pelas respostas e pelo link.

     

    []'s

    quinta-feira, 13 de novembro de 2008 19:52
  • Oi Almiro




    Creio que neste link você vai ler alguma coisa sobre o dez principios da metodologia agil independente de qualquer nomenclatura que ela venha a ter . Mas pelo que está subentendido no primeiro princípio é algo que deve ser calculado usando as horas de desenvolvimento,módulos que possam ter o projeto, soma-se esses itens e a somatoria dos mesmos você divide pelas horas totais e ai você consegue chegar a um valor.


    http://www.agileware.com.br/Dez_Motivos_Ageis.aspx



    Espero ter ajudado
    Juliana Prado Uchôa
    • Marcado como Resposta Rogerio Jerez sábado, 19 de junho de 2010 03:57
    terça-feira, 17 de março de 2009 08:43
  • Muito bom artigo Juliana.

    Obrigado.

    []'s
    Almiro Alves
    • Marcado como Resposta Almiro Alves terça-feira, 7 de abril de 2009 13:55
    • Não Marcado como Resposta Almiro Alves quarta-feira, 15 de abril de 2009 14:17
    terça-feira, 7 de abril de 2009 13:55
  • Oi Almiro

    Espero sempre poder ajudá-lo


    Pois compartilhar é a melhor forma de aprendermos novas coisas e de também fazermos novas amizades.






    Juliana Prado Uchôa
    quarta-feira, 8 de abril de 2009 03:11