none
Access como base de dados. RRS feed

  • Pergunta

  • Bem possível eu sei que é, mas queria informação de experiências reais de uso.
    Algum dos amigos já utilizou o Access como banco de dados de um site?
    Qual foi a experiência? Qual versão?
    quarta-feira, 16 de setembro de 2015 23:30

Todas as Respostas

  • Não se usa mais o ACCESS como base de dados de aplicação, por suas limitações de conexão, por ser também mais lento e também não confiável. Tente usar um MySQL ou PostGreSQL que geralmente os servidores vem por padrão. 

    Claro é melhor usar uma aplicação .NET WEB com banco SQL Server mais geralmente as hospedagem são mais caras.

    É possivel usar, é !!! mas, com vários inconvenientes, que ao meu ver não valerá a longo prazo !!!


    Fulvio Cezar Canducci Dias

    quinta-feira, 17 de setembro de 2015 19:14
  • Eu encontrei um caso interessante http://comunidade.itlab.com.br/eve/forums/a/tpc/f/273606921/m/1347054083

    O desenvolvimento de softwares hoje evoluiu muito, quando se fala em desenvolvimento, logo nos vem a mente grandes aplicações e grandes portais e paginas de e-comerce.
    Eu sou da época das SoftwareHouses, da época que o desenvolvimento era meio limitado a pequenas aplicações para segmentos como locadoras de vídeo, auto escolas, etc, ou seja, aplicações voltadas para a automação comercial. Esses tipo de software ainda existe, e ainda existe demanda, mais hoje os desenvolvedores preferem, e com razão, ninchos de mercados maiores, de sistemas mais complexos. Hoje em dia ninguém mais quer escrever um sistemas para o "seu João da padaria" ou coisas do tipo. Talvez seja esse o motivo de eu vez ou outra encontrar proposta de trabalho para simples programadores VBA com salários muito atrativos.

    Eu acredito que bancos de dados como o Access ainda podem ser usados, desde que se o tamanho e os requisitos da solução não ultrapassem as limitações existentes nessas ferramentas.
    Se hoje em dia ainda existe grandes sistemas rodando em linguagens descontinuadas a décadas como Clipper e Cobol. Porque não de poderia usar Access como banco de dados, que é vivo até hoje. Inclusive já vi aplicações desse gênero, muito famosas que usavam Access, como o "Aplicativos Comerciais" da compufour.
    Mas é óbvio, Access só pode ser solução para aplicações pequenas, com poucos acessos simultâneos e de missão simples onde a segurança de dados não é um requisito crítico. E eu pessoalmente não recomendo o uso de Access para criar o front-end, acredito que isso acentua ainda mais os riscos de perda de dados por corrompimento.

    Baseado no exemplo do link, acho que Access pode ser usado. Desde que as quantidades de acessos não ultrapassem as suas limitações.



    domingo, 20 de setembro de 2015 21:28