none
Tributação sobre Importação RRS feed

  • Pergunta

  • Pessoal,

    Alguem sabe me informar se o AX 2009 Rollup 5, faz os calculos dos tributos incidentes nas operações de Importação?? Ou se para este caso é necessario uma customização???

    Exemplo: A base de calculo da Cofins-Importação contempla o valor de outros tributos, como o ICMS, PIS importação, IPI, II e a propria Cofins.

    Será que o AX faz esse calculo??

    Fico grata pelo auxilio.

    terça-feira, 8 de fevereiro de 2011 20:11

Respostas

  • Bom dia, Sim, o AX faz essa contabilização. Base de calculo do pis/cofins VALOR CIF(DAS MERC)+II+SISCOMEX(DIVIDIDO PELO ICMS 0,82) Deste valor se extrai o valor do pis e do cofins. Base do icms VALOR CIF(DAS MERC)+II+SISCOMEX+PIS_COFINS(DIVIDIDO PELO ICMS 0,82) Neste meu exemplo não temos IPI. II 12% ICMS 18%
    • Marcado como Resposta Simone Albado quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011 16:14
    quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011 12:42

Todas as Respostas

  • Bom dia, Sim, o AX faz essa contabilização. Base de calculo do pis/cofins VALOR CIF(DAS MERC)+II+SISCOMEX(DIVIDIDO PELO ICMS 0,82) Deste valor se extrai o valor do pis e do cofins. Base do icms VALOR CIF(DAS MERC)+II+SISCOMEX+PIS_COFINS(DIVIDIDO PELO ICMS 0,82) Neste meu exemplo não temos IPI. II 12% ICMS 18%
    • Marcado como Resposta Simone Albado quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011 16:14
    quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011 12:42
  • Madalena,

    Por acaso voce teria algum manual com essa explicação??

    Obrigada pela ajuda.

    quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011 16:02
  • Simone Bom dia,

    Material oficial da Microsoft eu não tenho, pois ainda tem muitos chamados abertos para desenrolar o processo.

    Tenho um exemplo que montei para me orientar  nas importações.

    Deixa seu email que te passo.

    Boa sorte!

    quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011 12:11
  • Madalena, bom dia.

     

    Segue o meu e-mail: simone.albado@yahoo.com.br

    Muito obrigada pelo auxilio.

    quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011 12:37
  • Madalena bom dia.
    Poderia me enviar também?

    Meu email é rhc0205@bol.com.br

    Obrigado!

    Raphael

    sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011 04:27
  • Enviado.
    sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011 12:05
  • Boa tarde Madalena!

     

    Por gentileza você pode me enviar também?

    edenilsonjs@hotmail.com

    segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011 18:36
  • Madalena, obrigado

    Tenho umas dúvidas, veja se você pode me ajudar:

    Tenho casos de um cliente que tem várias adições com valores de ICMS diferentes. Mas o Siscomex calcula errado porque segue a aliquota que coloquei como encargos no cabeçalho da ordem.

    E quando a importação é CIF e o frete vem separado?

    Obrigado de novo

    Raphael

    quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011 17:14
  • Rafael boa tarde,

    Quando vc tem varias adições com icms diferentes, vc tem que configurar um siscomex para cada linha e o imposto da linha será o mesmo do siscomex(icms).

    Coloque o siscomex para ratear no cabeçalho porém adicione o grupo de imposto sobre vendas e grupo de imposto sobre vendas do item para o siscomex conforme está na linha do item.

    ex: item01  icms 18-----siscomex 18

           item02 icms 12----siscomex12

    Para compor o valor CIF, lance no AX o valor FOB e os encargos frete que ele faz o calculo.

    Não esqueça que sobre o frete inside todos os impostos e sobre o siscomex somente o icms.

    Boa sorte!!!

    quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011 17:21
  • Madalena

    bom dia.

    Segui suas instruções mas não funcionou.

    Rateiei o Siscomex18% no cabeçalho e depois coloquei nas linhas do modo que vc descreveu. Mas duplicou os valores do siscomes e do icms do siscomex.

    Sabe o que possa estar fazendo errado?

    Obrigado de novo

    Raphael

     

    sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011 12:33
  • No cabeçalho da ordem , não insira nenhum grupo de imposto. ex: encargo= siscomex

    na linha do item (com icms 18%) insira :

    no siscomex= grupo de imposto sobre vendas=siscomex( este grupo,deve conter todos os icms possiveis)

    E no grupo de imposto sobre vendas do item =siscomex18%(este grupo deve conter apenas o icms 18%)

    Desta forma dará certo.

    Obs: Se tiver mais de um item, o siscomex da linha deve ter o grupo de imposto sobre vendas do item apenas com o icms daquele item.

    ex: item 12%,   siscomex12%

    Veja seu email.

    sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011 15:17
  • Oi Madalena,

    OK. Então quando você disse na mensagem anterior "Coloque o siscomex para ratear no cabeçalho" não devo seguir, certo? No seu anexo não cita como fazer com o Siscomex

    Deste jeito de colocar Siscomex apenas nas linhas, o AX não rateia essa despesa. Como posso colocar o Siscomex total com o AX rateando?

    Outra dúvida: se o cliente quer contabilizar os itens importados quando o exportador emite a Invoice, não podemos emitir a ordem de compra, porque ela só vai ser lançada quando chegar a DI, certo? Como fazer a ordem e contabilizar contra Importação em Trânsito mas só lançar a ordem quando chega a mercadoria no porto?

    Muito obrigado Madalena!

    Raphael

    sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011 16:06
  • Boa tarde Raphael

    Sim, vc vai ratear o siscomex no cabeçalho(total), e pedir para distribuir nas linhas, somente os grupos de impostos serão na linha, conforme a linha do item.

    A ordem de compra é lançada na chegada da DI. Ainda não trabalhei com importação em trânsito então não saberei responder sua ultima pergunta.

    Veja o ultimo anexo que te enviei.

    sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011 16:35
  • Boa noite Madalena, tudo bem?

    Aproveitando esse ótimo fórum sobre a importação no AX, gostaria de tirar uma dúvida com relação ao cálculo do icms importação realizado no DAX.

    No AX, quando eu lanço uma NF de entrada na ordem de compra, referente a uma transação envolvendo uma importação, o cálculo do ICMS IMPORTAÇÃO é gerado pelo sistema de forma errada, quando na transação incide o IPI.

    Por exemplo: Supondo uma mercadoria com o valor aduaneiro de R$ 1.000,00 já convertido a taxa de câmbio da data da transação, e que sobre este item irá incidir o II 12%, IPI 5% PIS 1,65%, COFINS 7,6% e ICMS 18%.  Logo, o valor do II= R$ 1.000,00x12%=R$120, o valor do IPI= R$ 1.120,00x5%=R$ 56,00. O valor do PIS é R$ 22,88 e da COFINS R$ 105,37. Todos esses cálculos foram feitos corretamente pelo AX.

    Já o ICMS IMPORTAÇÃO, sua base de cálculo seria o somatório do valor aduaneiro com todos os tributos incidentes na importação, divido por 1-0,18, ou seja, (1.000+120+56+22,88+105,37)/0,82=1.590,54, que aplicado a 18%, geraria o valor de ICMS igual a R$ 286,30. Mas no AX, a base de cálculo encontrada por ele foi R$ 1.670,06, que aplicado a 18%, gerou um valor de ICMS de R$ 300,61.

    Esse erro só é gerado quando na importação incidir o IPI, pois quando o seu valor é zero, o AX calcula corretamente o ICMS, levando em consideração os demais tributos (PIS, COFINS, II).

    Sabe me dizer como eu posso resolver esse problema?

    Eu configurei o ICMS importação na aba cálculo do formulário código de impostos sobre venda como Origem: porcentagem do valor líquido e Base Marginal: Valor líquido por linha e marquei o flag de imposto retido/recuperável.

    Obrigado pela atenção e pelas informações prestadas até então neste fórum, elas foram úteis para aprimorar a questão da importação no Microsoft AX.

    Abraços,

    Victor

     

    sábado, 26 de fevereiro de 2011 01:23
  • Vitor Boa tarde

     

    O icms não é so tipo retido/recuperavel

    o icms é imposto incluido.

    Arrume o flegue e tente novamente.

    segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011 20:13
  • MadaLena, boa tarde,

    Por gentileza, poderia me enviar este material também?

    eduardo.mourao@claroit.com.br

     

    Obrigado e um abraço!

     

    Eduardo Mourão

    quarta-feira, 13 de abril de 2011 20:43
  • Madalena,

    Você poderia enviar este documento para okgroup@gmail.com

    Rodrigo.

    quarta-feira, 23 de novembro de 2011 20:24
  • Enviado por email.

    Boa sorte

    quinta-feira, 24 de novembro de 2011 12:48
  • Madalena

     

    Boa tarde

     

    Por favor você ainda teria este documento sobre importação no AX.

    Estou em um cliente que faz importação e preciso paramterizar no AX.

    Muito obrigado.

    jean.camargo@i9tec.com.br

     

    segunda-feira, 2 de janeiro de 2012 19:30
  • Madalena

     

    Bom dia, você poderia enviar este documento para o meu email.

    oliveira772@hotmail.com

     



    Kleberson Oliveira
    terça-feira, 3 de janeiro de 2012 12:01
  • MadaLena, boa tarde,

    Por gentileza, poderia me enviar este material também?

    andressadrek@hotmail.com

    Obrigado e um abraço!

    Andressa Almeida

    terça-feira, 28 de fevereiro de 2012 13:28
  • Olá, poderia me enviar o material também?

    Grato

    Rafael Cardoso

    terça-feira, 6 de março de 2012 14:31
  • Bom dia Madalena,

    O erro retornado pelo SEFAZ "528 - [Simulacao] Rejeicao: Valor do ICMS difere do produto BC e Aliquota" tem relação com este cálculo?

    Obrigado.

    terça-feira, 16 de abril de 2013 13:49
  • madalena pode enviar pra mim também, te agradeço

    fatimasubcon@hotmail.com

    terça-feira, 11 de junho de 2013 18:45
  • Só para completar caso alguem precise:

    Esse erro não tem muito com a base de calculo do ICMS na verdade a rejeição é por causa do codigo de tributação do ICMS, o mesmo que forma a CST do produto, no caso de importação Direta geralmente é 00.

    Inserir o codigo de tributação correto aprova a danfe na sefaz.

    terça-feira, 3 de setembro de 2013 13:36