locked
Always On RRS feed

  • Pergunta

  • Boa tarde Pessoal,

    Tenho um ambiente em Cluster com duas instâncias com SQL Server 2008R2, agora vamos migrar para SQL Server 2012R2.

    Pretendo manter o mesmo cenário com duas instância aplicado no Always On, mas cada instância(Principal) ficará em um servidor e suas respectivas replicas no servidor do principal e vice-versa.

    Gostaria de saber se este cenário é o mais indicado?

    Obrigado.

    Carlos 


    • Editado Carlos Dexon terça-feira, 9 de agosto de 2016 20:35
    terça-feira, 9 de agosto de 2016 20:34

Respostas

  • Bom dia Bruno,

    Acredito que essa estrutura varia de acordo com cada ambiente, não vejo problemas na forma que esta montando, lembrando que agora você tera 4 instancias ao invés de 2, você terá duas instancias rodando em cada nó do cluster, então você pensar bem na distribuição de recursos entre os nós.

    Att

    Reginaldo C Silva

    quinta-feira, 11 de agosto de 2016 12:28

Todas as Respostas

  • Bom dia Bruno,

    Acredito que essa estrutura varia de acordo com cada ambiente, não vejo problemas na forma que esta montando, lembrando que agora você tera 4 instancias ao invés de 2, você terá duas instancias rodando em cada nó do cluster, então você pensar bem na distribuição de recursos entre os nós.

    Att

    Reginaldo C Silva

    quinta-feira, 11 de agosto de 2016 12:28
  • Bruno,

    Além disso, toda estrutura de cluster como você sabe é fundamentada no WSC Windows Server Cluster, sendo este o serviço de gerenciamento e controle do Cluster.

    O que você vai ter que fazer é apresentar toda esta estrutura de nós para este serviço, as replicas estão vinculadas com os elementos do Always On, sendo assim, todo este conjunto será controlado pelo serviço de cluster em conjunto com o SQL Server no momento em que houver uma necessidade de mudança de nó o que vai sinalizar a mudança de qual réplica esta sendo utilizada.


    Pedro Antonio Galvao Junior [MVP | MCC | Microsoft Evangelist | Microsoft Partner | Engenheiro de Softwares | Especialista em Banco de Dados | Professor Universitario | SoroCodigos | @JuniorGalvaoMVP | http://pedrogalvaojunior.wordpress.com]

    quinta-feira, 11 de agosto de 2016 18:06
    Moderador
  • Bom dia Reginaldo,

    Eu montei um ambiente virtual, no SERVER1 tem uma instância e no SERVER02 tem outra instância, lembrando que cada instância possui suas próprias bases, a replica secundária das bases do SERVER1 eu coloquei na instância do SERVER02 e vice versa.

    Neste cenário eu repliquei todas as bases das duas instâncias com apenas duas 2 instâncias,  mas você disse que vou precisar de 4 instâncias, não entendi muito bem.

    Obrigado.

    Carlos.


    • Editado Carlos Dexon segunda-feira, 15 de agosto de 2016 13:03
    segunda-feira, 15 de agosto de 2016 13:03
  • Bom dia Junior,

    Eu fiz o teste e é exatamente isso, mas agora estou tentando entender de quantas instâncias vou precisar, conforme descrito acima.

    Obrigado.

    Carlos.

    segunda-feira, 15 de agosto de 2016 13:07
  • Bom dia Carlos,

    Entendi, eu estava pensando em um modelo com separação das instancias por que eu tenho um ambiente parecido rs, mas a sua configuração é valida sim,  tudo depende do cenário mesmo, por exemplo você querer separar bases de um determinado sistema de outras bases.

    Att

    Reginaldo Silva

    segunda-feira, 15 de agosto de 2016 13:36
  • Bom dia Reginaldo,

    Obrigado pela ajuda.

    Mais uma coisa, por exemplo, no SERVER1 eu tenho minha instância  com uma base na unidade H:\  para que eu posso replicar está base no SERVER2 preciso ter a mesma unidade lá também H:\. Dúvida, está unidade no SERVER02 que está recebendo a replica da base do SERVER01, eu posso utilizar ela normalmente para outras bases dá própria instância SERVER02. Digo isso por que a unidade H:/ da instância SERVER2 vai estar sofrendo IO da própria instância e da replica da base do SERVER01. 

    Será que tem problema está concorrência?

    Obrigado.

    quinta-feira, 18 de agosto de 2016 12:51
  • Carlos,

    Na verdade com o AlwaysOn trabalha com base na estrutura e configuração do serviço de cluster do Windows, esta unidade de disco deverá estar sendo apresentada para os SQL Server envolvido neste ambiente.

    Em relação a concorrência não seria um problema, pois todo controle transacional e de réplica é gerenciado pelo SQL Server em conjunto com o AlwaysOn + Serviço de Cluster do Windows e principalmente através do Database Engine + Storage Engine do SQL Server.


    Pedro Antonio Galvao Junior [MVP | MCC | Microsoft Evangelist | Microsoft Partner | Engenheiro de Softwares | Especialista em Banco de Dados | Professor Universitario | SoroCodigos | @JuniorGalvaoMVP | http://pedrogalvaojunior.wordpress.com]


    sexta-feira, 19 de agosto de 2016 12:54
    Moderador