none
Separar codigo grande RRS feed

  • Pergunta

  • Pessoal, Sou iniciante na area e gostaria de tirar uma duvida. O programa que estou desenvolvendo tem apenas um form, mas devido a grande quantidade enventos nos botoes e textbox, o codigo do form1 esta ficando mutio grande e dificulta a manutenção do mesmo. Existe a possibilidade de dividir o codigo em varios arquivos mesmo com todos eles operando os componentes de um mesmo form? Não é o caso de se criarem classes pois os elementos que precisam de ação estao todos dentro do form1. Desde ja agradeço a ajuda e peço perdao se a duvida for muito boba. Um abracço!
    sábado, 11 de maio de 2013 00:29

Todas as Respostas

  • Cara, dependendo do "tamanho" do programa o código fica extenso, por isso você tem que nomear os controles, funções, etc...E também usar as Classes, que "diminuem" bastante o código, já que a função vai estar em outro arquivo (grosseiramente falando)...

    acho que é isso ae


    Thiago Rodrigo

    sábado, 11 de maio de 2013 01:01
  • Thiago, 

    Obrigado pela respostas mas ainda fico com uma pequena dúvida. Existe como alterar atributos de um objeto do form (um textbox por exemplo) através de uma classe separada? Ou seja, de uma classe que faça parte do mesmo programa mas que o codigo não esteja escrito no form1?

    Sds.

    sábado, 11 de maio de 2013 11:01
  • Ola,

    Para dividir o código vc pode usar partial class, que basicamente é uma classe escrita em varios arquivos. (os forms geralmente ja são partials, olha a declaração da classe no inicio do arquivo.).

    Por experiencia não aconselho vc fazer isso, vai dificultar ainda mais a legibilidade e manutenção do form.

    No seu caso, vale a pena perder um tempo e refatorar essa tela.

    Deixa o form p o código relacionado a validação e visualização.

    Cria classes responsáveis pelas regras de negocio e por fim, classes que representem os dados que vc tem em sua tela.

    Alem de bem mais bonito, legível fica bem mais fácil de dar manutenção ou escalonar.

    Att,
    Tiago

    quinta-feira, 16 de maio de 2013 14:23