none
PAF-ECF Requisito XXII, item 1: arquivo auxiliar com nro de série e GT RRS feed

  • Pergunta

  • Olá pessoal,

    O req XXII, item 1 diz:"O PAF-ECF deve garantir que será utilizado com ECF cujo pedido de autorização de uso tenha cumprido a legislação da unidade da federação de jurisdição do usuário do equipamento,..."

    Como fabricante do PAF-ECF, tenho que colocar os nros de série e GT num arquivo criptografado e validar se o ECF que está sendo utilizado consta nesse arquivo.

    Minha dúvida não é técnica, sobre como gerar o arquivo e validar o ECF. Mas sim quanto ao processo burocrático que eu deveria ter para garantir que meu PAF-ECF só vai aceitar ECFs autorizados pelo Fisco.

    Pergunto: Como vou saber se o ECF que meu cliente me informou (e que eu vou colocar no tal arquivo criptografado), é um ECF autorizado pelo Fisco? É na base da confiança? Há algum documento oficial da Sefaz que ateste isso?

    Abraços.

    segunda-feira, 28 de novembro de 2011 17:15

Respostas

  • Mauro, de acordo com a documentação do PAF-ECF, Requisito XXII, no seu aplicativo homologado, não pode haver tela para configurar nem desativar um ECF.

    Aqui na nossa empresa, nós temos um aplicativo, fora do PAF-ECF, que não é acessado pelo usuário, apenas pela equipe de suporte. Neste aplicativo, nós cadastramos todos os dados dos ECFs em funcionamento no cliente. Quando ele adquire um novo ECF ou o ECF volta de uma manutenção técnica, usamos este aplicativo para incluir ou atualizar os dados no sistema. Assim identificamos que o ECF é verdadeiro e autorizado. Se o cliente tentar usar algum ECF que não seja cadastrado, o sistema não funciona.

    É esse procedimento que usamos aqui. É um trabalho a mais para nós, mas temos que ter certeza que os ECFs são legítimos.


    Se foi útil para você, então Marque para ajudar outras pessoas.
    quarta-feira, 30 de novembro de 2011 18:40

Todas as Respostas

  • Oi,

    Obrigado pelas informações, mas minha necessidade não é quanto à compatibilidade do modelo, mas sim quando ao número de série ser de uma impressora autorizada pela Sefaz.

    segunda-feira, 28 de novembro de 2011 18:00
  • Mauro, de acordo com a documentação do PAF-ECF, Requisito XXII, no seu aplicativo homologado, não pode haver tela para configurar nem desativar um ECF.

    Aqui na nossa empresa, nós temos um aplicativo, fora do PAF-ECF, que não é acessado pelo usuário, apenas pela equipe de suporte. Neste aplicativo, nós cadastramos todos os dados dos ECFs em funcionamento no cliente. Quando ele adquire um novo ECF ou o ECF volta de uma manutenção técnica, usamos este aplicativo para incluir ou atualizar os dados no sistema. Assim identificamos que o ECF é verdadeiro e autorizado. Se o cliente tentar usar algum ECF que não seja cadastrado, o sistema não funciona.

    É esse procedimento que usamos aqui. É um trabalho a mais para nós, mas temos que ter certeza que os ECFs são legítimos.


    Se foi útil para você, então Marque para ajudar outras pessoas.
    quarta-feira, 30 de novembro de 2011 18:40
  • José Roberto, obrigado pela informação.

    Vocês recebem algum documento de seus clientes que ateste que o ECF é autorizado? (presumo que vocês não confiam simplesmente numa lista que eles te passem por e-mail).

    Obrigado.

    quarta-feira, 30 de novembro de 2011 18:55