none
Aplicação desktop (GUI) .net 4.7 rodando em linux, é possível? RRS feed

  • Pergunta

  • Bom dia pessoal, estou com um novo projeto em desenvolvimento e as máquinas que vão rodar tem Linux. A aplicação precisa ser desktop pois preciso fazer integração com impressoras fiscais, scanner e outros periféricos e sei que uma aplicação web é praticamente impossível fazer tal integração. Antes que me perguntem, não é possível instalar Windows nas máquinas por questão de custo.

    Passado o cenário faço a pergunta: como distribuir uma aplicação desktop em máquinas Linux? Estou lendo um pouco sobre o net core e docker, mas sinceramente não vejo isso como solução para o meu caso ... me parece mais uma solução voltada para web e mobile, me corrijam se eu estiver enganado.

    quarta-feira, 10 de janeiro de 2018 11:04

Respostas

  • Caríssimo Cristino Ribeiro, olá.

    1 - Um exemplo de aplicação (GUI) Multiplataforma rodando em Linux (testado em Linux Mint, Ubuntu) é o Skype. Você pode configurar qualquer aplicação para ser executada em Linux, a grande questão é o produto instalável e executável. Na grande maioria os pacotes para Linux possuem extensão .DEB ou dependendo da versão o seu correspondente. Você precisa validar além do produto, a forma de o mesmo ser executado no Linux de versão a qual deseja.

    2 - Plataformas Web hoje são o target para otimização e performance, uma vez que sua gerenciabilidade é de longe,  muito mais viável. Aprofunde-se em softwares multiplataforma, que valem mais a pena.

    3 - Aplicações JAVA são multiplataforma, oriente-se em (https://www.devmedia.com.br/criando-aplicacoes-desktop-em-java/32009), que possa lhe dar um norte significativo.

    5 - Caso seja humanamente impossível para você, gerencie em um servidor Windows via acesso TS para a aplicação, doerá menos no cérebro, mas doerá no bolso (nem tanto). Desenvolta a aplicação para MS Windows, centralize suas estações Linux na rede LAN, e conceda acesso via TS, será mais ergonômico, a gerenciabilidade mais praticável e estável, e você sofrerá menos.

    Sem mais,

    Alison Silva.

    quarta-feira, 10 de janeiro de 2018 11:29

Todas as Respostas

  • oi bom dia, se tiveres as versões mais ressente do visual talvez consiga porque a Microsoft agora permite veja o link

    https://tecnoblog.net/169490/dotnet-codigo-aberto/

    quarta-feira, 10 de janeiro de 2018 11:19
  • Caríssimo Cristino Ribeiro, olá.

    1 - Um exemplo de aplicação (GUI) Multiplataforma rodando em Linux (testado em Linux Mint, Ubuntu) é o Skype. Você pode configurar qualquer aplicação para ser executada em Linux, a grande questão é o produto instalável e executável. Na grande maioria os pacotes para Linux possuem extensão .DEB ou dependendo da versão o seu correspondente. Você precisa validar além do produto, a forma de o mesmo ser executado no Linux de versão a qual deseja.

    2 - Plataformas Web hoje são o target para otimização e performance, uma vez que sua gerenciabilidade é de longe,  muito mais viável. Aprofunde-se em softwares multiplataforma, que valem mais a pena.

    3 - Aplicações JAVA são multiplataforma, oriente-se em (https://www.devmedia.com.br/criando-aplicacoes-desktop-em-java/32009), que possa lhe dar um norte significativo.

    5 - Caso seja humanamente impossível para você, gerencie em um servidor Windows via acesso TS para a aplicação, doerá menos no cérebro, mas doerá no bolso (nem tanto). Desenvolta a aplicação para MS Windows, centralize suas estações Linux na rede LAN, e conceda acesso via TS, será mais ergonômico, a gerenciabilidade mais praticável e estável, e você sofrerá menos.

    Sem mais,

    Alison Silva.

    quarta-feira, 10 de janeiro de 2018 11:29
  • Oi Arlindo, obrigado pela resposta! Estou utilizando o Visual Studio 2017, vi que o código foi aberto e tudo mais mas a minha pergunta é em relação à tecnologia, qual devo usar para distribuir a aplicação em Linux caso exista alguma que suporte aplicações gráficas desktop, entendeu?

    crisaum - Cristiano Ribeiro Balestrin

    quarta-feira, 10 de janeiro de 2018 11:37
  • Obrigado pela resposta Alison, realmente vou pesquisar um pouco sobre essa sugestão do TS. O JAVA está fora de questão por enquanto pois queremos manter o padrão em C# e também pelo fato de ser pesado, exigindo uma máquina consideravelmente parruda para rodar bem sem nenhum problema. 

    crisaum - Cristiano Ribeiro Balestrin

    quarta-feira, 10 de janeiro de 2018 11:41
  • Bom dia, Já faz bastante tempo desde a pergunta, mas tentou usar o mono?

    att,

    Leonardo de Sousa

    sábado, 23 de março de 2019 13:55