none
Identificar e Manter em arquivo quem praticou o CRUD RRS feed

  • Pergunta

  • Boa tarde a todos.
    Gostaria muito que me esclarecessem uma dúvida que é muito pouco abordada.
    Considerem a classe abaixo:
    public class Funcionario
        {
            public int Codigo { get; set; }
            public string Nome { get; set; }
            public double Salario { get; set; }
        }

    Preciso manter um arquivo com as seguintes informações:

    • Quem inseriu este novo Funcionário e quando  (data e hora) foi feita a inserção?
      Idem ao restante do CRUD.

    Por onde devo começar?

    Grata a todos

    quarta-feira, 23 de setembro de 2015 17:54

Respostas

  • Isso chama-se LOG

    Por onde deve começar, O LOG na verdade é um tabela que tu vai alimentando a partir de outras tabelas que são alteradas de alguma forma.

    A partir do momento que você fez uma inserção de funcionário, o usuário logado tem o seu Id de indentificação que tu pode gravar nessa tabela de LOG, com mais informações pertinentes (tipo você quer criar o seu arquivo de log para salvar id_do_usuario, data_hora que aconteceu, tipo_de_acontecimento, etc).

    Após isso você tem um registro de que tal usuário fez alguma ou várias alterações na sua base de dados.

    Basicamente é isso.


    Fulvio Cezar Canducci Dias

    quarta-feira, 23 de setembro de 2015 19:27
  • Existem diversas abordagens para isto:

    - Ao salvar os dados do funcionário, vc pode na sequência incluir uma linha numa tabela de log;

    - Criar campos de data e usuário de inserção (ou mesmo alteração) na própria tabela de funcionários.

    Tudo vai depender do que realmente vc precisa. Se todas as modificações de um registro precisam ser registradas, então sugiro que vc crie uma tabela de log. Se apenas as últimas modificações, então os campos na própria tabela de funcionários devem ser suficientes.

    quarta-feira, 23 de setembro de 2015 19:38

Todas as Respostas

  • Isso chama-se LOG

    Por onde deve começar, O LOG na verdade é um tabela que tu vai alimentando a partir de outras tabelas que são alteradas de alguma forma.

    A partir do momento que você fez uma inserção de funcionário, o usuário logado tem o seu Id de indentificação que tu pode gravar nessa tabela de LOG, com mais informações pertinentes (tipo você quer criar o seu arquivo de log para salvar id_do_usuario, data_hora que aconteceu, tipo_de_acontecimento, etc).

    Após isso você tem um registro de que tal usuário fez alguma ou várias alterações na sua base de dados.

    Basicamente é isso.


    Fulvio Cezar Canducci Dias

    quarta-feira, 23 de setembro de 2015 19:27
  • Existem diversas abordagens para isto:

    - Ao salvar os dados do funcionário, vc pode na sequência incluir uma linha numa tabela de log;

    - Criar campos de data e usuário de inserção (ou mesmo alteração) na própria tabela de funcionários.

    Tudo vai depender do que realmente vc precisa. Se todas as modificações de um registro precisam ser registradas, então sugiro que vc crie uma tabela de log. Se apenas as últimas modificações, então os campos na própria tabela de funcionários devem ser suficientes.

    quarta-feira, 23 de setembro de 2015 19:38
  • Fulvio Cezar Canducci Dias e Renato Groffe, muitíssimo obrigada pela gentileza de vocês em compartilhar seu tempo comigo.

    Maria Clara

    quarta-feira, 23 de setembro de 2015 19:55
  • Fulvio Cezar Canducci Dias e Renato Groffe, muitíssimo obrigada pela gentileza de vocês em compartilhar seu tempo comigo.

    Maria Clara

    Por nada!

    Fulvio Cezar Canducci Dias

    quarta-feira, 23 de setembro de 2015 21:13