none
Automação Comercial com ASP.NET RRS feed

  • Pergunta

  • Senhores,

    Estou com um grande desafio, preciso desenvolver um programa de vendas que emita cupons fiscais, ou seja, automação comercial. Eu já li em algumas respostas aqui nesse fórum que para acessar uma impressora fiscal eu precisarei instalar um ActiveX. Porém como vou rodar um emulador no browser? Como é feito o desenvolvimento de aplicações de automação comercial com ASP.NET?

    Alguém sabe onde posso encontrar um material para desenvolvimento desse tipo de aplicações?

    Desde já agradeço pela ajuda.

     


    Carlos Henrique Meireles
    terça-feira, 10 de agosto de 2010 02:55

Respostas

  • Olá Henrique,

    Na verdade, a maior dificuldade é em atender as obrigatoriedades das legislações fiscais, como por exemplo a do PAF-ECF. Por isso que lhe questionei sobre a funcionalidade de seu aplicativo de vendas, e é para isso que vc precisa se atentar.

    Como vc comentou, sua aplicação será acessada via WEB e acionará o ECF para emissão dos cupons fiscais, porém se houver uma falha na conexão, sua aplicação não responderá e as operações com o ECF não estarão disponíveis. Uma das exigência fiscais é que a aplicação de PDV não pare, ou seja, ela precisa estar localmente instalada e se houver uma queda na conexão com a base de dados, que tenha uma rotina de persistência dos dados no próprio PDV.

    Com relação a comunicação da aplicação com o ECF, conforme lhe falei, temos uma ferramenta para isso, sendo que a dificuldade para esta implementação é nula.

    Ats,
    André Munhoz

    • Marcado como Resposta Henrique Meireles segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012 01:45
    quarta-feira, 11 de agosto de 2010 15:31

Todas as Respostas

  • Olá Henrique,

    A Bematech disponibiliza um componente ActiveX que permite a comunicação com a impressora fiscal, via browser, a partir da dll BemaFI32 - o componente BemaFisc.

    Entretanto, seria interessante vc verificar este modo de funcionamento de seu PDV, pois pelas questõs do PAF-ECF, vc não poderia utilizar de forma remota a aplicação, caso esta fique hospedada em um servidor WEB. Então, vale a pena verificar.

    Ats,
    André Munhoz

    terça-feira, 10 de agosto de 2010 13:41
  • Olá André,

    O que eu posso te dizer é que a empresa que eu trabalho em recebido demandas em nossa área de atuação de empresa que precisam de um programa de vendas. A idéia é um ter computador na balcão onde os vendedores registrarão as vendas através de uma aplicação Web e imprimirão os cupons fiscais. 

    A idéia é criar uma solução inovadora, por isso estamos desenvolvimento Web, mas ainda não identifiquei todas as dificuldades de implementar esse tipo de solução para esse fim. A dificuldade que já identifiquei que o Browser precisa ter um ATIVEX para estabelecer comunicação com hardware, que no caso é a impressora fiscal. Será que só existe essa dificuldade?

    É isso que você disse que eu precisava verificar?

    Agradeço desde já pela sua ajuda.


    Carlos Henrique Meireles
    terça-feira, 10 de agosto de 2010 15:50
  • Olá Henrique,

    Na verdade, a maior dificuldade é em atender as obrigatoriedades das legislações fiscais, como por exemplo a do PAF-ECF. Por isso que lhe questionei sobre a funcionalidade de seu aplicativo de vendas, e é para isso que vc precisa se atentar.

    Como vc comentou, sua aplicação será acessada via WEB e acionará o ECF para emissão dos cupons fiscais, porém se houver uma falha na conexão, sua aplicação não responderá e as operações com o ECF não estarão disponíveis. Uma das exigência fiscais é que a aplicação de PDV não pare, ou seja, ela precisa estar localmente instalada e se houver uma queda na conexão com a base de dados, que tenha uma rotina de persistência dos dados no próprio PDV.

    Com relação a comunicação da aplicação com o ECF, conforme lhe falei, temos uma ferramenta para isso, sendo que a dificuldade para esta implementação é nula.

    Ats,
    André Munhoz

    • Marcado como Resposta Henrique Meireles segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012 01:45
    quarta-feira, 11 de agosto de 2010 15:31
  • Como vc comentou, sua aplicação será acessada via WEB e acionará o ECF para emissão dos cupons fiscais, porém se houver uma falha na conexão, sua aplicação não responderá e as operações com o ECF não estarão disponíveis. Uma das exigência fiscais é que a aplicação de PDV não pare, ou seja, ela precisa estar localmente instalada e se houver uma queda na conexão com a base de dados, que tenha uma rotina de persistência dos dados no próprio PDV.

    Ok André,

    Estou entendendo sua colocação. Sobre a citação que pus acima, eu entendo que é um fator de risco para esse projeto. Diante disso, eu estou pensando é um fator determinante para decidir fazer uma aplicação Web com esse foco. Você poderia me dar uma opinião sobre isso?

    Estou te fazendo essa pergunta para que juntar elementos para mudar esse de web para desktop.

    Agradeço desde já pela sua ajuda.


    Carlos Henrique Meireles
    quarta-feira, 11 de agosto de 2010 16:26
  • Olá Carlos,

    Eu acredito ser mais prudente implementar uma aplicação desktop, devido a todos estes fatores de legislação e obrigatoriedades que existem atualmente.

    Ats,
    André Munhoz

    quinta-feira, 12 de agosto de 2010 12:36
  • Aplicações via Web já são uma realidade, não mais o "futuro", sou a favor de mudarmos nossa legislação a respeito disso.

    Afinal a tecnologia evoluiu, e não podemos ficar presos a uma legislação que não muda na mesma velocidade que a tecnologia muda.

     

    Já vi um software funcionando com ECF feito em browser, provavelmente existe uma forma de homologar Legalmente com sistema em Browser, nem que seja rodando em Rede local.

    terça-feira, 24 de agosto de 2010 19:11
  • Prezado André,

    Boa noite. Obrigado por sua ajuda. Eu consegui convencer o gerente a desenvolver uma aplicação desktop para atender o negócio referente a automação comercial de nosso cliente. Apresentei essa discussão e ele entendeu que seria mais prudente fazer essa forma.

    Obrigado por sua ajuda.


    Carlos Henrique Meireles
    segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012 01:44